O grupo interinstitucional NEVE tem como principal objetivo o estudo e a divulgação da História e cultura da Escandinávia Medieval, em especial da Era Viking, por meio de reuniões, organização de eventos, publicações e divulgações em periódicos e internet. Conta com a colaboração de professores, pós-graduandos e graduandos de diversas universidades brasileiras, além de colaboradores estrangeiros. Filiado à ABHR, VIVARIUM e ABREM. Registrado no CNPQ. Contato: neveufpb@yahoo.com.br

segunda-feira, 18 de maio de 2015

NEVE EM EVENTO NA UFMG

EPHIS 2015

Mais uma participação de membro do NEVE em evento acadêmico, desta vez em Belo Horizonte, na Universidade Federal de Minas Gerais. 
Durante o 4o. Encontro de Pesquisa em História, ocorreu o simpósio Temático Poder e Fé na Idade Média, coordenado por Aléssio Alonso Alves e Felipe Augusto Ribeiro.


André apresentou a comunicação "A influência da religiosidade pré-cristã escandinava na Byskypa sögur sobre o Guðmundr Arason (1161 – 1237)", derivada de suas pesquisas no mestrado em História. Atualmente André de Oliveira prepara seu projeto para o doutorado.

Resumo: Essa comunicação tem como intuito apresentar a influência da religiosidade pré-cristã escandinava na Byskypa sögur, por meio da análise da Guðmundar saga biskups. A cristianização da Islândia se iniciou por meio da allþing, assembleia geral, de 999, em um processo de longa duração no qual o impulso inicial dado pelo rei Norueguês Oláfr Tryggvason abriu as portas para a atividade episcopal. A primeira sede episcopal islandesa foi implementada em 1056 em Skálholt pelo bispo Ísleifur Gissurarson, essa sede abriria espaço para um papel mais presente do clero na sociedade islandesa, ainda seguidora da religiosidade escandinava pré-cristã. A influência da religiosidade escandinava pré-cristã se deu na documentação por meio de seres sobrenaturais dos costumes pré-cristãos, assim como milagres com elementos híbridos da cultura pré-cristã com a cultura cristã. A documentação, Guðmundar saga biskups, narra a vida de Guðmunðr Arason (1161 – 1237), o quinto bispo da segunda diocese da Islândia, Hólar. Essa influência acabou levando o cristianismo islandês adaptar-se, de tal modo que necessitou incorporar elementos já presentes no imaginário social no seu discurso.

  •  
  • André de Oliveira no Encontro de Pesquisa em História da UFMG, lendo o livro Deuses, monstros e heróis: ensaios de mitologia e religião viking, publicado pela UNB em 2009.